Instalando e configurando: Steam + Bumblebee + Ubuntu 13.04 64-bit

Como muitos sabem, a Valve lançou a versão oficial de sua plataforma de jogos para computadores pessoais, Steam. Aos poucos muitos jogos estão sendo portados para versões nativas de Linux e sua popularidade vem crescendo cada dia mais. Grandes jogos como Half Life 2Dota 2Left 4 Dead 2Killing FloorPortal e vários outros já contam com versões nativas para o Linux.

A Steam até o momento está homologada para funcionar no Ubuntu 12.04 LTS e Ubuntu 12.10, conforme o este link. Porém funciona perfeitamente no Ubuntu 13.04, requerendo apenas alguns pequenos ajustes.

Ainda há dúvidas para instalar e configurar o sistema corretamente em computadores equipados com placa dedicada Nvidia com suporte à Optimus. Esta tecnologia promete economizar bateria desabilitando a placa dedicada quando não é utilizada. Para maiores informações, consultar o link oficial. Como ainda o suporte oficial ao Optimus para Linux é muito pobre, existe uma alternativa livre muito boa chama Bumblebee que proporciona praticamente a mesma funcionalidade que o Optimus fornece no Windows.

Pois bem, mãos à obra!

1 - Instalando os drivers da Nvidia

Primeiramente, faça a instalação do driver da Nvidia através dos repositórios do Ubuntu. Você pode também baixar a versão mais recente binária através do site da Nvidia  ou a empacotada do projeto XORG-Edger. Neste tutorial, optei por utilizar a versão dos repositórios oficiais do Ubuntu, mesmo que não seja a mais recente, para manter o sistema o mais próximo do oficial.

Para instalar os drivers, você pode fazer através do terminal ou pela Central de programas do Ubuntu.


Caso opte pelo terminal, o comando é sudo apt-get install nvidia-313-updates


Após a instalação, NÃO REINICIE O SISTEMA! Caso faça isso, pode não conseguir mais logar no sistema.


2 - Instalando o Bumblebee

Abra o terminal e adicione o repositório oficial do Bumblebee:


sudo add-apt-repository ppa:bumblebee/stable

Atualize a lista de pacotes:

sudo apt-get update

E instale o Bumblebee:

sudo apt-get install bumblebee virtualgl linux-headers-generic

Após a instalação do Bumblebee estar concluída, você pode reiniciar o sistema.

3 - Baixando e instalando a Steam

Apesar de existir o cliente Steam no repositório oficial do Ubuntu, sugiro instalar a versão disponível no site da Steam. O link para download é http://store.steampowered.com/about/. Clique em Instale Steam agora.



Clique duas vezes no pacote DEB para instalar:


4 - Ajustes finos para o Ubuntu 13.04 64-bit

Após instalar na Central de programas do Ubuntu, são necessários pequenos ajustes para rodar perfeitamente na versão 64-bit Ubuntu 13.04. Algumas pessoas (eu me incluo ;-) ) tiveram o erro 
Error loading libGL.so.1 ao abrir a Steam. Para resolver o problema, faça o seguinte:

No terminal, execute os comandos

sudo apt-get install  libgl1-mesa-glx:i386
sudo gedit /etc/ld.so.conf.d/steam.conf

Adicione no Gedit as linhas:

/usr/lib32
/usr/lib/i386-linux-gnu/mesa

Salve e feche.
Atualize a lista de bibliotecas com o comando :

ldconfig

E para finalizar, instale Primus

sudo apt-get install primus-libs
sudo apt-get install primus

Agora é só configurar o atalho da Steam para utilizar o optirun. Você pode fazer isso editando com o Gedit mesmo para editar a linha Exec= para a opção optirun -b primus /usr/bin/steam %U


Após instalar o jogo, a Valve recomenda aos usuários do Bumblebee adicionar uma linha na opção avançada do jogo.
Na sua biblioteca de jogos, clique com o botão direito em cima do nome do jogo e selecione Propriedades.


Clique em Definir opções de incialização...




E adicione a linha primusrun %command%


Pronto! A sua Steam está totalmente configurada e pronta para jogar!

Divirta-se!

Fontes:

https://wiki.ubuntu.com/Bumblebee
http://askubuntu.com/questions/256431/play-steam-games-with-nvidia-optimus-laptop
https://support.steampowered.com/kb_article.php?ref=6316-GJKC-7437


Encontrou algum erro, críticas, sugestões, fique à vontade para comentar!

12 comentários:

  1. Cara Muito Show.

    Aumento de desempenho Formidavel.

    ResponderExcluir
  2. Queria agradecer o post, instalei o driver da nvidia 319 e o bumblebee. Não para usar como gamer. Mas desligar a placa dedicada que estava elevando o consumo da bateria do notebook. Por acaso, fui umas das pessoas que adquiriu um desses novos notebooks com ubuntu da dell(mod.inpirion 14R). E se soubesse antes desse problema com a placa dedicada, provavelmente teria pego só com chip da intel. Só para ter uma ideia da coisa a bateria com a placa sendo usada durava aproximadamente 4:30 horas, com bumblebee foi para 7 horas e o note está esquentando menos.Quando comprei o note com a placa da nvidia imagina poder usar com Blender 3d, para fazer coisas pequenas, novamente muito obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa! Fico muito satisfeito que foi útil.
      Eu também possuo esse notebook, que diga-se de passagem é ótimo! Comprei já sabendo dessa limitação da bateria. Realmente o consumo era altíssimo, além de esquentar demais. Então fiz a instalação do Bumblebee e tive essa grata surpresa que você também teve. Para complementar, fiz também a instalação do Powertop e do TLP. Ganhei mais uns 45 min de bateria, totalizando 7:45.

      Excluir
    2. Outra coisa que fiz foi desligar o bluetooth editando um arquivo de texto seguido em um tutorial. Estou seguindo essas outras dicas que postou no comentário. A bateria chegou no mesmo resultado, excelente. Claro que essas estimativas se baseiam muito na utilização do usuário. Vou perguntar outra coisa, por caso o seu note é o que tem o hd de 1 terabyte? Estava pensando em formatar a partição raiz(/), para criar uma home para facilitar as futuras atualizações do sistema, mantendo as existentes(achei que vem bem configurado de fábrica não fosse pelo linux desatualizados e a ausência da partição home), você chegou a fazer isso?

      Excluir
    3. Exato. É o modelo com HD de 1TB. Eu sempre faço uma partição separada para Home. Gosto de deixar assim para futuras formatações sem que meus arquivos sejam afetados.

      Excluir
  3. Foi pensando nisso, o motivo da pergunta. Será que se usar o gparted e depois usar o pendrive com ubuntu já consigo resolver, sem necessariamente ter de reinstalar o linux? Agora que já deixei ele mais arrumado não queria ter esse retrabalho. Baixei a ultima iso do 12.04 precise. queria apenas redefinir o espaço para a partição raiz e criar a home.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum... Sinceramente não sei te dizer, pois eu sempre faço já na instalação. Mas acho que você pode simular isso via máquina virtual. Por exemplo, instale no VirtualBox uma máquina Ubuntu 12.04 com apenas 2 partições, / e swap, e depois simule o redimensionamento para ver o que acontece.

      Eu encontrei esse guia. Mas não testei. Então não sei se realmente funciona...

      http://www.howtogeek.com/116742/how-to-create-a-separate-home-partition-after-installing-ubuntu/

      Excluir
  4. Vou tentar a experiência. Obrigado pelo link.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beleza cara. Depois diga aí se funcionou.
      Até mais!

      Excluir
  5. Fiz o teste no virtualbox, aparentemente não houve problema. No seu notebook, vc formatou do zero ou manteve alguma partição? como as que vieram pela dell(partição de recuperação). Estou preocupado de fazer dessa forma talvez seja melhor mesmo com o retrabalho(ainda não tenho nada no sistema) instalar na partição / mesmo que o sistema seja reinstalado, mas já deixando o home certo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu Dell veio com Windows 8. Eu criei, através do Dell Recovery, o pendrive com o sistema de restauração de fábrica. Além disso, criei uma imagem do disco pela ferramenta nativa do Windows 8 em um HD externo.
      Depois disso, iniciei o notebook pelo pendrive, apaguei todas as partições e instalei o Ubuntu 13.04 64-bit do zero, criando 3 partições, a /, /home e swap.

      Outra coisa que tive que fazer foi desativar o Secure Boot no BIOS do Dell. Pode deixar o modo UEFI habilitado, pois o Ubuntu funciona numa boa. Só o Secure Boot, caso ativado, faz com que a cada boot ser exibida uma mensagem de erro.

      Excluir